Trigo Brasil: produtores seguem com pouco interesse nos negócios

  • 26/01/2022
  • 2
  • Categoria(s): Mercado de Trigo |

Cotação do Trigo

O ritmo de comercialização no mercado brasileiro de trigo é lento nesta reta final do mês de janeiro. Contudo, os preços continuam se mantendo firmes, diante da valorização do cereal no mercado externo, assim como, na restrição da oferta por parte do produtor. Confira:

O mercado do trigo vem apresentando um ritmo lento de comercialização nos últimos dias, diante da queda de braço entre compradores e vendedores que não chegam a um censo de preços para finalizar negócio. Além disso, o produtor tem se mostrado capitalizado, o que diminui o seu interesse em negociar, especialmente neste momento em que se encontra focado na colheita da safra de verão.

Por conta disso, os moinhos de trigo também só estão realizando aquisições pontuais, quando acabam conseguindo chegar ao meio termo nos preços, o que está bem difícil de acontecer, diante de um cenário favorável em que se encontra o produtor neste momento.

Embora o dólar esteja sinalizando recuo nos últimos dias, tendo finalizado a terça-feira (25) com valor de R$ 5,435 e uma queda de 1,24% no dia, ainda existem muitos fatores que seguem dando suporte ao preço do cereal, tais como: trigo em alta no mercado externo, oferta limitada do cereal brasileiro para o período de entressafra, onde já se especula que a necessidade de importação do grão externo poderá vir mais cedo este ano, além da alta do milho, que também contribui para a valorização do trigo.

Deste modo, as negociações de trigo que têm ocorrido são pontuais, apenas a fim de liberar espaço para os produtores armazenarem a safra atual.

Segundo os pesquisadores do Cepea, a expectativa é de maior movimentação a partir de fevereiro, quando os moinhos que repuseram seus estoques somente no começo da última colheita, deverão retornar ao mercado.

Veja Mais
Trigo Argentina: relatório de Declaração de Vendas para Exportação (DJVE)
Trigo Mercado Externo: possível “corredor humanitário” para exportações da Ucrânia depreciam os preços na CBOT
Trigo Brasil: baixa oferta doméstica e alta nos preços mundiais alavancam as cotações do trigo
Trigo Argentina: Governo realiza primeiro repasse do Fundo Estabilizador do Trigo aos moinhos
Trigo Mercado Externo: após três sessões de queda, trigo acumula alta de quase 2%

Quer receber as últimas atualizações de Trigo, Milho, Farinhas, Farelos, Soja e do agronegócio em seu e-mail?

Cadastrar





Sobre AF News

A AF News com sede em Curitiba PR, foi idealizada para poder atender as necessidades de empresas e pessoas com informações de mercado e análises. Com responsabilidade, ética e imparcialidade nosso objetivo é promover o questionamento e a divulgação de informações útei...
Continue Lendo