Mandioca – Balanço Semanal: Aquecimento na oferta reduz os preços da mandioca e derivados

  • 17/11/2020
  • 1
  • Categoria(s): Raiz de Mandioca |

Mercado da Mandioca

Apesar do clima não estar colaborando em todas as regiões produtoras de mandioca, algumas localidades sinalizaram melhora na previsão do tempo, com maiores quantidades de chuvas, o que favorece a continuidade das atividades no campo. Deste modo, os produtores priorizaram a liberação de áreas no campo, fazendo a retirada da raiz e aumentando a oferta da matéria-prima no mercado. Por conta desse aquecimento na oferta, os preços acabaram recuando ainda mais na última semana. Confira:


Patrocinado

Raiz de Mandioca

Mesmo com o volume ainda irregular de chuvas em todas as regiões acompanhadas pelo Cepea nos últimos dias, os produtores de mandioca que tinham a necessidade de liberar áreas para implantação de um novo ciclo da cultura, seguiram colhendo a raiz. Assim, a oferta aumentou nesta última semana, mantendo as cotações em queda – o recuo tem sido observado desde meados de outubro e, de lá para cá, já acumula 15%.

Outros produtores, por sua vez, decidiram postergar a comercialização para 2021. Na semana passada, a média nominal a prazo para a tonelada de mandioca posta fecularia foi de R$ 468,58/t (R$ 0,8149 por grama de amido na balança hidrostática de 5 kg), 2% abaixo da registrada no período anterior.

Fécula de Mandioca

Os preços da fécula de mandioca também acompanharam a retração da raiz e sendo assim, acumulou queda semanal entre 2,41% a 6,96%. Somente a região de Ivinhema-MS é que manteve seus indicadores praticamente sem ajustes, com leve alta de 0,17% em uma semana cotada a R$ 2.514,57/ton.

Na variação mensal, a cotação da fécula de mandioca recuou em todas as regiões acompanhadas pelo Cepea, entre -9,72% a -19,84%.

Farinha de Mandioca

No mercado da farinha de mandioca, tanto fina, quanto grossa, os indicadores também sofreram desvalorização nesta primeira quinzena de novembro. A demanda retraída dos consumidores, por conta da sazonalidade do produto, que tem menos saída no verão, também vem pressionando os preços.

Sendo assim, na última semana a cotação da farinha fina tipo 1, ficou com queda entre 1,91% a 6,42%. Já o preço da farinha grossa tipo 1, teve ajustes entre -2,96% a 6,43% para o mesmo período.

Obtenha informações estratégicas para a melhor decisão de compra e venda de produtos agrícolas em AF News Agrícola.

Veja Mais
Mercado da Mandioca: Menor oferta e retomada da economia poderão alterar a dinâmica do mercado
Mercado da Mandioca: Janeiro começa com pouca comercialização de mandioca, porém, safra tem boas expectativas para 2021
Mandioca – Balanço Semanal: Com menor oferta, disputa pela raiz deve aumentar em 2021
Mandioca - Balanço Anual 2020: O ano em que a fécula de mandioca foi vista acima dos R$ 3 mil/tonelada
Mandioca – Balanço Semanal: Oferta restrita da raiz trava as perdas na cotação da mandioca

Quer receber as últimas atualizações de Trigo, Milho, Farinhas, Farelos, Soja e do agronegócio em seu e-mail?

Cadastrar





Sobre AF News

A AF News com sede em Curitiba PR, foi idealizada para poder atender as necessidades de empresas e pessoas com informações de mercado e análises. Com responsabilidade, ética e imparcialidade nosso objetivo é promover o questionamento e a divulgação de informações útei...
Continue Lendo