Defensivos Agrícolas: Drones otimizam a aplicação de defensivos, reduzindo a deriva dos produtos

  • 04/10/2019
  • 10
  • Categoria(s): Notícias Agrí­colas |

Defensivos Agrícolas (imagem: Sistema Faep)

Os avanços da tecnologia voltada para otimizar as tarefas agrícolas nas lavouras não param. Recentemente foi divulgado pela Revista Pesquisa a pulverização de defensivos agrícolas e liberação de agentes de controle biológico de pragas por drones, ou seja, Vant's (Veículos áreas não tripulados).

Ano a ano o uso de drones na agricultura vem aumentando e há dois anos, os Vant's começaram a ser utilizados na pulverização de defensivos agrícolas no campo. As primeiras culturas a usarem essa tecnologia foram o eucalipto, cana-de-açúcar, laranja, café e arroz, principalmente nas regiões do Sul e Sudeste do Brasil.

Embora seja de grande avanço a implantação deste sistema no campo, o processo de regulamentação ainda não foi finalizado, visto que os órgãos regulatórios exigem diversos testes e estudos, para dar segurança aos usuários e definir regras na sua aplicação, assim como funciona todo o processo para a liberação de defensivos, ou qualquer outro produto e equipamento que seja utilizado no meio agrícola.

Atualmente, a maioria deste processo de lançamento aéreo de agrotóxicos é realizado por aviões de pequeno porte, porém, o principal problema disso é a deriva do produto, ou seja, quantidade do produto dispersado que não atinge a lavoura e em sua maioria é levado pelo vento.

De acordo com o engenheiro eletricista Lúcio André de Castro Jorge, pesquisador da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) Instrumentação em São Carlos, no interior de São Paulo, "haverá uma explosão nos próximos anos de novas tecnologias para pulverização não tripulada". E ainda acrescenta que: "Essas aeronaves estão entrando com tudo no cenário brasileiro, principalmente para substituir a pulverização costal".

No último mês de agosto, os drones utilizados na agricultura foram destaques no Congresso de Aviação Agrícola no município de Sertãozinho, SP. Todos os atuantes da área concordam em dizer que o drone é um complemento muito importante para otimizar as atividades do campo, mas que para grandes áreas o avião continua sendo a melhor e mais econômica opção.

O Brasil tem hoje a segunda maior frota aeroagrícola do mundo, com 2.182 aviões registrados e 12 helicópteros. Em primeiro lugar está os Estados Unidos, cuja frota é de 4 mil aeronaves.

Obtenha informações estratégicas para a melhor decisão de compra e venda de produtos agrícolas em AF News Agrícola.

Conteúdo baseado na matéria: "Pulverização por drones" veiculada pela Revista Pesquisa da Fapesp.

Veja Mais
Defensivos Agrícolas: Ingrediente ativo de herbicida utilizado nos EUA e Austrália é registrado no Brasil.
Agronegócio Brasileiro: China tem planos de investimentos para o agro no Brasil
Defensivos Agrícolas: Ministério registra novos produtos biológicos compostos de microrganismos
Transporte de Cargas: Paradas de descansos em rodovias são certificadas pelo Governo
Fertilizantes Agrícola: Nitrato de amônio na agricultura

Quer receber as últimas atualizações de Trigo, Milho, Farinhas, Farelos, Soja e do agronegócio em seu e-mail?

Cadastrar





Sobre AF News

A AF News com sede em Curitiba PR, foi idealizada para poder atender as necessidades de empresas e pessoas com informações de mercado e análises. Com responsabilidade, ética e imparcialidade nosso objetivo é promover o questionamento e a divulgação de informações útei...
Continue Lendo