Algodão: Balanço semanal (24/06 a 28/06)

  • 28/06/2019
  • 8
  • Categoria(s): Notícias Agrí­colas |

Algodão

Junho está se encerrando e o mercado do algodão passou por longos dias de queda durante o mês, veja aqui as cotações da semana para algodão interno e algodão internacional...

Junho têm sido até o momento, o pior mês do ano para os cotonicultores em 2019, a cotação do algodão em pluma que havia apresentado sinais de recuperação ao final de maio, registrando o índice de R$ 2,881/lp no dia 30/05, estreou em queda no início de junho, com a cotação de R$ 2,8703/lp e chegou ao final da primeira quinzena de junho em R$ 2,8041 por libra-peso em 13/06. O que representou uma queda de mais de 2% entre 03/06 a 14/06 (Cepea/Esalq).

Como já mencionado pela AF News na semana passada, entre 17 a 21 de junho, a média de cotação registrada pelo Cepea para o algodão com prazo de 8 dias ficou em R$ 91,93/@, enquanto que no mesmo período de maio/19, o valor da pluma estava em R$ 94,66/@. Em percentuais, a queda da terceira semana de junho, comparada ao mês anterior foi de 2,89%.

Confira aqui:

Fertilizantes: Compra dos insumos está mais cara para a safra 2019/20

Plano Safra: Ministério da Agricultura e Pecuária mantém o mesmo valor que ano passado, mas ajusta a taxa dos juros, investimento é de 225,5 bilhões no setor

Café – Resumo Semanal: Após duas semanas de queda, grão começa com alta técnica nesta segunda. Confira também o balanço de preço semestral.

Nesta semana, a cotação do algodão encerrou a segunda-feira novamente em queda registrando R$ 2,7519/lp para a pluma do algodão com prazo de 8 dias. Durante o seu decorrer, os índices recuaram ainda mais e ontem, dia 27/06 o preço do algodão estava em R$ 2,7121 por libra-peso ao final do dia (Cepea/Esalq).

Com este cenário há uma expectativa pelos compradores do algodão que o preço diminuía ainda mais com o avanço da colheita da safra 2019/20. Outro motivo é que algumas empresas tem alegado que devido a baixa demanda dos subprodutos do algodão os estoques da matéria-prima estão cheios.

Deste modo, a comercialização do algodão tem andado a passos lentos, principalmente nos contratos futuros, já que a oferta da temporada 2018/19 está limitada por conta da demora no beneficiamento do produto.

Em relação aos contratos futuros do mercado interno e externo, as negociações da pluma 2018/19 e 2019/20 permanecem lentas, por esta razão é que os vendedores que ainda possuem estoque do algodão da safra 2017/18 estão atuando no mercado spot, realizando pequenas reposições ou entregas de contratos.

Diferente da situação do algodão Brasil, a NYBOT (Bolsa da NY) apresentou índices mais elevados no preço do algodão para essa semana. O Algodão NY nº2 Futuro, que custou em média US$ 64,22 centavos de dólar por libra-peso na semana passada (17/06 a 21/06), registrou na segunda dia 24/06 o valor de US$ 65,42/lp e hoje dia 28/06 opera em US$ 65,77 (valor cotado as 15:12 h).

A média acumulada desta semana está em US$ 65,81/lp o que resulta num aumento de 0,7% em relação a semana anterior. No entanto, a variação acumulada dos últimos 30 dias é de uma queda de 3,76%.

Em relação a produtividade, durante a semana a Associação Sul-mato-grossense  dos Produtores de Algodão (Ampasul) divulgou que o Mato Grosso, maior produtor brasileiro de algodão espera colher um volume de 71 mil toneladas da pluma em 2018/19, numa área 25% maior. Superando em 18,3% a produção da safra de 2017/18.

Entre os motivos para os bons resultados estão o plantio do algodão consorciado com outras culturas, como soja, milho e pastagem, bem como o emprego de tecnologias no campo e a dedicação do produtor rural em se desenvolver no setor.

Faça seu cadastro agora e acompanhe as análises de mercado de trigo, milho, soja, laranja, café, cana de açúcar, algodão, arroz e derivados. Você terá acesso gratuito por 7 dias. Após este período, poderá acessar ainda GRATUITAMENTE, nossas matérias abertas; agroindústria, logística, carnes, conjuntura de grãos e conjuntura econômica. É rápido e descomplicado. Um pé no campo e outro nos negócios. Basta clicar aqui.

Veja Mais
Produtores devem manter excelente nível de rentabilidade, diz Agroconsult
Agricultura de Precisão: Lucro da Deere sobe 70% no 4º tri fiscal de 2021, para US$ 1,28 bilhão
Meteorologia prevê maior volume de chuva para metade Norte do país
Fornecimento de fertilizantes da Rússia traz segurança, diz Conab
Conab reduz produção de cana-de-açúcar do Brasil em 2021/22 devido a geadas e estiagem

Quer receber as últimas atualizações de Trigo, Milho, Farinhas, Farelos, Soja e do agronegócio em seu e-mail?

Cadastrar





Sobre AF News

A AF News com sede em Curitiba PR, foi idealizada para poder atender as necessidades de empresas e pessoas com informações de mercado e análises. Com responsabilidade, ética e imparcialidade nosso objetivo é promover o questionamento e a divulgação de informações útei...
Continue Lendo