Notícias Agrícolas - AF News

Última atualização: 20/9/2018 - Atualizado em 02/10/2013h46

Prêmios da soja elevam preços no spot, mas vendas da nova safra são lentas

Confira, com exclusividade, a Tabela AFNews de preços da soja nas principais regiões produtoras e na BM&F!

De AF News Análises

Por Maíra Laskoski

O plantio da soja safra verão 2018/19 já iniciou no Brasil, com as atividades em andamento no Paraná, Mato Grosso, Goiás e Mato Grosso do Sul.

No Mato Grosso, maior produtor de soja do país, o período de vazio sanitário terminou no dia 15 de setembro, liberando o início das atividades, segundo o IMEA.


No Paraná, segundo maior produtor da oleaginosa, até o dia 18/09 o plantio chegou a 9%, com destaque para a região de Toledo, com 49% das lavouras estabelecidas. Segundo o DERAL, 100% das áreas são consideradas em condições boas e 94% estão na fase de germinação e 6% em desenvolvimento vegetativo.

O mercado estima aumento de área próximo de 3% para a nova safra, e se não houver nenhum problema climático, o Brasil deverá produzir cerca de 120 milhões de tons de soja. O próximo relatório da CONAB em outubro confirmará a intenção nacional de plantio para a safra 2018/19.

PREÇOS

Os prêmios no mercado disponível voltaram a subir, em resposta à forte demanda Chinesa pela soja brasileira, tornando o mercado spot (disponível) mais firme.

O Indicador ESALQ/Cepea Paranaguá valorizou 7,04% entre os dias 12 e 19 de setembro, ultrapassando R$96,00/saca.

A forte demanda pela oleaginosa brasileira tende a manter esta firmeza nos preços da soja spot, uma vez que o volume da safra 2017/18 está se estreitando.

Por outro lado, o movimento do mercado nas negociações da safra nova (2018/19) está mais lento, pois os prêmios para 2019 não estão tão firmes como no mercado spot, uma diferença entre R$8,00 e R$10,00/saca. Esta diferença leva o produtor a decidir não vender neste momento.

Para o ano comercial 2019 da soja, o sojicultor deve ficar atento ao cenário da guerra comercial EUA-China e os preços em Chicago que, por sinal, tiveram o pior preço dos últimos 10 anos, para o contrato de novembro, na terça feira (18).

Logo, no Brasil os preços ainda estão bons em função dos prêmios nos portos e do câmbio valorizado, cotado hoje (20) a R$4,09.

CLIQUE AQUI PARA VISUALIZAR A TABELA AFNEWS DE PREÇOS DA SOJA NA BM&F

CLIQUE AQUI PARA VISUALIZAR A TABELA AFNEWS DE PREÇOS DA SOJA NAS PRINCIPAIS REGIÕES PRODUTORAS
veja também
informativo - assinatura
O cadastro é rápido, fácil e você passa a ter acesso a
benefícios exclusivos: Receber as diversas newsletters,
comentar as materias publicadas e balanços semanais.