Notícias Agrícolas - AF News

Última atualização: 23/8/2018 - Atualizado em 02/10/2013h46

Novas tarifas intensificam guerra comercial China x EUA e preços da soja caem na CBOT

Confira, com exclusividade, a Tabela AFNews de preços da soja na CBOT!

De AF News Análises

Por Maíra Laskoski

Os futuros de soja foram menores na Bolsa de Chicago em meio a preocupações sobre as relações comerciais entre os EUA e a China e pressionado ainda pelas últimas estimativas para a nova safra norte-americana.

Hoje (23), os EUA executaram as tarifas sobre outros bens chineses no valor de US$ 16 bilhões, e apesar de não afetarem diretamente a agricultura, é outro sinal de que uma solução para a guerra comercial em curso está longe de ser alcançada. Pequim retaliou, colocando taxas em uma quantidade igual de itens dos EUA.

Em Chicago os preços da oleaginosa recuaram perto de US$6,00/ton na terça (22), e a pressão sobre os preços da soja continua no pregão desta quinta-feira (23) na Bolsa de Chicago.

CLIQUE AQUI PARA VISUALIZAR A TABELA AFNEWS DE PREÇOS DA SOJA NA CBOT

O USDA divulgou nesta quinta (23) o reporte semanal de vendas para exportação, foram declaradas como vendidas 152.700 tons da safra 2017/18, aumento de 14% em relação à semana anterior, mas registraram queda de 37% em relação à média anterior de quatro semanas. Os aumentos foram reportados para Indonésia (88.700 tons), Holanda (85.900 tons), Alemanha (79.400 tons), Egito (57.400 tons), e Espanha (50.000 tons). As reduções foram para destinos desconhecidos (343.900 tons).

As vendas da safra 2018/19 foram registradas 1.148.600 tons, com destino ao México (403.100 tons), destinos desconhecidos (360.000 tons), Taiwan (127.500 tons) e Tailândia (91.000 tons).


As expectativas do mercado eram entre 100 mil e 300 mil tons para a safra 2017/18 e de 400 mil a 650 mil para a safra nova. Logo, as vendas da nova safra foram surpreendentemente maiores, o que pode dar força aos preços da oleaginosa novamente nos próximos dias.
veja também
informativo - assinatura
O cadastro é rápido, fácil e você passa a ter acesso a
benefícios exclusivos: Receber as diversas newsletters,
comentar as materias publicadas e balanços semanais.