Notícias Agrícolas - AF News

Última atualização: 28/6/2017 - Atualizado em 02/10/2013h46

Tecon Rio Grande investe em equipamentos para fertilizantes e registra alta nas importações do produto

Crescimento foi de 22% nos cinco primeiros meses do ano em relação a 2016

De AF News Análises

No Terminal de Contêineres do Porto de Rio Grande, do Grupo Wilson Sons, a importação de fertilizantes apresentou alta de 22% no acumulado de janeiro a maio deste ano, em comparação aos mesmos meses de 2016. Ao todo, foram movimentos 561 contêineres (cntrs) nestes cinco primeiros meses de 2017, 100 cntrs a mais do que no igual período do ano passado.

Em 2016, o Tecon Rio Grande adquiriu equipamento – um adaptador instalado nas empilhadeiras – que possibilita a desova de carga em big bags de forma mais eficiente e rápida. “Com esse investimento, passamos a oferecer um serviço com custo ainda mais competitivo e alinhado às práticas de segurança, meio ambiente e saúde (SMS) adotadas no Tecon”, explica o diretor-presidente do terminal, Paulo Bertinetti.

O Tecon Rio Grande também tem fomentado a importação de fertilizantes via contêineres.  Conteinerizado, o produto chega ensacado ao terminal, pronto para ser vendido direto ao produtor rural. Além de melhores custos, os importadores de fertilizantes ganham mais independência para compra de seus produtos, maior eficiência no fluxo de caixa e garantem estoques menores.

As expectativas são positivas para esse segmento com o incremento da atividade agrícola em 2017. “Acreditamos no potencial do mercado de fertilizantes. Em maio, participamos da Conferência Anual IFA (International Fertilizer Industry Association), realizada em Marrakech, para conhecer novas práticas e empresas do setor”, conta Bertinetti.
 
Sobre o Tecon Rio Grande

O Tecon Rio Grande, no estado do Rio Grande do Sul, é hoje um dos mais importantes terminais de contêineres da América Latina. Empresa do Grupo Wilson Sons, está em atividade no Porto do Rio Grande desde 1997. Neste período, vem operando as principais linhas de navegação que escalam o país. Tem cerca de 3 mil importadores e exportadores, tendo se tornado fundamental para o desenvolvimento econômico do estado.

Sobre o Grupo Wilson Sons

Uma das maiores operadoras de serviços portuários, marítimos e logísticos do Brasil, a Wilson Sons iniciou suas atividades em 1837, em Salvador, Bahia. Nestes 180 anos de existência, a companhia se estabeleceu pela gestão de seus negócios nos segmentos de terminais portuários, rebocagem portuária e oceânica, apoio marítimo a operações offshore, logística, agenciamento marítimo e indústria.

Fonte: Assessoria de imprensa
veja também
informativo - assinatura
O cadastro é rápido, fácil e você passa a ter acesso a
benefícios exclusivos: Receber as diversas newsletters,
comentar as materias publicadas e balanços semanais.